Roleta russa termina com trabalhador rural morto com tiro na cabeça

Compartilhe

Autor tentou modificar a cena do crime (Ilustrativa)

Autor acabou preso quando tentava fugir da propriedade rural

Um trabalhador rural identificado como Luís Jorge Júnior de 32 anos, morreu na noite deste domingo (21) em uma propriedade rural, na cidade e Aquidauana a 135 quilômetros de Campo Grande. O crime teria acontecido durante uma ‘brincadeira’ de roleta russa entre os dois colegas no alojamento da propriedade rural.

O crime aconteceu por volta das 23 horas deste domingo (21), quando Luís estava no alojamento junto do colega e de outros trabalhadores rurais, e a suspeita é de que todos estivessem embriagados, sendo que em determinado momento o autor e a vítima passaram a manipular um revólver fazendo roleta russa.

Luís teria apontado a arma para o autor, mas não houve disparo sendo que quando teve o revólver apontado para a sua cabeça aconteceu um disparo que o atingiu e o matou instantaneamente. O colega que cometeu o crime manipulou o corpo tentando parecer, que Luís teria cometido suicídio colocando a arma nas suas mãos.

Ele, então, tentou fugir do local, mas acabou sendo abordado a 4 quilômetros da sede da propriedade em uma motocicleta pela polícia que foi acionada. No começo, ele negou que tenha cometido o crime, mas acabou confessando na delegacia.

O autor relatou que os dois estavam fazendo roleta russa, quando na sua vez a arma acabou disparando contra a cabeça de Luís, mas negou que tenha manipulado o corpo da vítima para que parecesse um suicídio. Ele foi preso pelo crime de homicídio.

Fonte: Midiamax